Cibersegurança é debatida durante BRICS Think Tank Symposium, na China
Direito
02 Junho

Cibersegurança é debatida durante BRICS Think Tank Symposium, na China

Especialista em governança e regulação da Internet, Belli apresentou uma pesquisa sobre “Interoperabilidade Legislativa nos BRICS”, destacando a necessidade de marcos regulatórios compatíveis, que definam níveis homogêneos de obrigações para empresas e de proteção para indivíduos nos BRICS.

O pesquisador do Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS) da Escola de Direito do Rio de Janeiro (Direito Rio), Luca Belli, participou BRICS Think Tank Symposium, realizado em Chongqing, na China. O especialista falou em sua apresentação sobre cibereconomia e cibersegurança.

Especialista em governança e regulação da Internet, Belli apresentou uma pesquisa sobre “Interoperabilidade Legislativa nos BRICS”, destacando a necessidade de marcos regulatórios compatíveis, que definam níveis homogêneos de obrigações para empresas e de proteção para indivíduos nos BRICS.

“Somente o estabelecimento de uma estratégia coerente e de marcos regulatórios compatíveis permitirá aos BRICS de explorar plenamente o potencial do comercio eletrônico e de fortalecer a cibersegurança. Os recentes ciberataques destacam a urgência de estabelecer mecanismos de cibersegurança e de proteções de dados pessoais eficientes e compatíveis entre os BRICS. Essas medidas são essenciais para promover a confiança do usuário no e-commerce e favorecer a difusão de serviços inovadores”, destacou Belli.

O simpósio foi organizado conjuntamente pelo China Council on BRICS Think Tank Cooperation e pela Siuchuan International Studies University. Chongqing é a maior e mais populosa província da China e um dos maiores hubs econômicos e tecnológicos do país. Durante o evento, Belli foi convidado para organizar o próximo relatório sobre cibereconomia e cibersegurança nos BRICS, promovido pela Southwest University de Chongqing.