Estudantes de Ensino Médio simulam comitês da ONU em sala de aula

Presente ao evento como palestrante convidado, o professor da FGV EBAPE, Fabrício Stocker, trouxe para os estudantes, pontos-chave sobre desenvolvimento sustentável, a agenda 2030 e o papel da ODS.
管理学
27 十一月 2023
Estudantes de Ensino Médio simulam comitês da ONU em sala de aula

Debates sobre os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030, possíveis soluções para questões como pobreza, desigualdade, dentre outras, fizeram parte do encontro promovido, por intermédio da parceria da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (FGV EBAPE) com o Grupo SEB – Sistema Educacional Brasileiro, representado pelo Colégio Carolina Patrício.  

O evento reuniu na unidade da Barra da Tijuca, da Escola, 250 alunos do ensino médio, de colégios do Rio de Janeiro e São Paulo, para a SEBMUN -  Simulação de Comitês da Organização das Nações Unidas - ONU. 

O encontro contou com a presença do coordenador da Graduação em Administração, professor Bernardo Fajardo, da diretora do Colégio Carolina Patrício, Hélia Sanches, demais representantes da Escola e alunos da graduação em administração da FGV EBAPE. 

Presente ao evento como palestrante convidado, o professor da FGV EBAPE, Fabrício Stocker, trouxe para os estudantes, pontos-chave sobre desenvolvimento sustentável, a agenda 2030 e o papel da ODS, assim como uma visão mais realista de problemas socioeconômicos enfrentados por diversos países no mundo. 

Após a palestra, os discentes formaram delegações de até 20 membros. Cada comitê teve como responsabilidade representar vários países do mundo e trazer para mesa de debates alguns dos principais problemas apontados pelas ODS, assim como buscar soluções viáveis para tais questões. 

A iniciativa, segundo Hélia Sanches, possibilita ao aluno ser protagonista da própria vida, tendo consciência dos problemas que assolam a sociedade e de sua importância como agente de transformação, engajando novas gerações e criando formas para liderar o mundo orientado pela cultura de paz. 

Para o professor Fabrício Stocker é importante para o jovem entender o próprio papel na comunidade em que está inserido e ter a preocupação, na escola, ao escolher a profissão que pretende seguir no futuro, não vislumbrar só a que possa lhe remunerar melhor, mas pensar na oportunidade que estará mais alinhada com seu propósito de vida e que poderá impactar mais vidas, a sociedade de uma forma geral e/ou ao meio-ambiente. “É isso que temos buscado, trabalhar um pouco mais com o público jovem para despertar uma conscientização maior, principalmente, para essa pauta sobre sustentabilidade”. 

Na visão da gestora, a parceria com a FGV EBAPE em ações como essa, aproximando a academia da escola, reduz um possível hiato na passagem dos jovens do ensino médio para a universidade, pois ela traz novos olhares e práticas para que o estudante compreenda a realidade da vida universitária, criando expectativa e maior engajamento. 

Hélia Sanches destaca que o grupo SEB já estuda a possibilidade de novos projetos em parceria com a FGV EBAPE para que seja possível, em breve, difundir a iniciativa com outras escolas do ensino médio no Rio de Janeiro. 

Esse site usa cookies

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação e utiliza tecnologias como cookies para armazená-las e permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para mais informações, acesse o nosso Aviso de Cookies e o nosso Aviso de Privacidade.