Arbitragem e processo civil são temas de cursos oferecidos pela FGV Direito SP

O programa analisa com os alunos conceitos fundamentais da arbitragem, tanto no cenário nacional como no plano internacional, a redigir cláusulas arbitrais, termos de arbitragem e analisar sentenças arbitrais, bem como lidar com os requisitos da legislação brasileira, à luz da jurisprudência dos tribunais pátrios, em particular do Superior Tribunal de Justiça.
Direito
23 Novembro 2018
Arbitragem e processo civil são temas de cursos oferecidos pela FGV Direito SP

As alterações promovidas pelo Novo Código de Processo Civil e a ratificação da Convenção de Nova York em relação à lei de arbitragem ampliou ainda mais a importância deste instrumento de resolução de conflitos no exercício da advocacia. Para refletir essas mudanças, o Programa de Pós-Graduação Lato Sensu (FGVlaw) da Escola de Direito de São Paulo (FGV Direito SP) formulou um curso de curta duração com o objetivo de desenvolver habilidades necessárias à prática da advocacia no campo da arbitragem.

O programa analisa com os alunos conceitos fundamentais da arbitragem, tanto no cenário nacional como no plano internacional, a redigir cláusulas arbitrais, termos de arbitragem e analisar sentenças arbitrais, bem como lidar com os requisitos da legislação brasileira, à luz da jurisprudência dos tribunais pátrios, em particular do Superior Tribunal de Justiça.

O FGVaw também disponibiliza outros cursos na área de processo civil. Entre eles, o de curta duração que abordará o impacto do novo Código de Processo Civil (CPC) e seus impactos na Advocacia Contenciosa. Apesar de estar em vigor há mais de dois anos, a aplicação do Novo CPC ainda desperta dúvidas nos tribunais em todas as instâncias. O objetivo do curso é debater essas mudanças de forma crítica e aplicada.

Para quem deseja aprofundar ainda mais os conhecimentos, o FGVlaw também oferece a Pós em Processo Civil, com o objetivo de desenvolver habilidades para atuação na área de prevenção e resolução de conflitos (contencioso cível, arbitragem, mediação, negociação e outras formas de resolução de conflitos) a partir de uma visão dinâmica, estratégica e multifacetada da realidade jurídica.

O curso oferece uma visão complexa da resolução de conflitos, abordando-a a partir de diferentes perspectivas: intersecção entre o direito público e o direito privado, conflitos envolvendo múltiplas partes, contratos complexos e coligados, múltiplos procedimentos e jurisdições, relação entre o direito doméstico e o direito internacional e a relação entre variáveis econômicas, políticas e jurídicas na tomada de decisão sobre conflitos.

Para mais informações sobre os cursos, acesse o site.