DIREITO GV discute 10 anos do Estatuto do Desarmamento

Nesta semana, a DIREITO GV recebeu especialistas para debater os 10 anos do Estatuto de Desarmamento. Realizado em parceria com o Instituto Sou da Paz e o Instituto Igarapé, o ?Seminário 10 anos do Estatuto do Desarmamento - Avanços e desafios para a redução dos homicídios no Brasil? fez um balanço da ocorrência de crimes com armas de fogo.
Institucional
13 Dezembro 2013

Nos dias 12 e 13 de dezembro, a Escola de Direito da FGV em São Paulo (DIREITO GV) recebeu especialistas para debater os 10 anos do Estatuto de Desarmamento. Realizado em parceria com o Instituto Sou da Paz e o Instituto Igarapé, o ?Seminário 10 anos do Estatuto do Desarmamento - Avanços e desafios para a redução dos homicídios no Brasil? debateu resultados de duas pesquisas inéditas, relacionadas a crimes com armas de fogo ocorridos na cidade de São Paulo.A primeira é produzida pela Escola uma análise dos homicídios ocorridos em 2012 e no 1º semestre de 2013 na cidade de São Paulo, com informações sobre local, circunstâncias, perfil das vítimas e autores, e utilização de armas.Já o segundo estudo mostra o perfil das armas utilizadas em crimes na capital paulista, como categoria, tipo, calibre, marca, nacionalidade e ano de fabricação, bem como sua distribuição por usos em cada crime. Além disso, foi apresentada uma seção especial com detalhes sobre as armas de maior poder de fogo.O panorama brasileiro também foi tema do evento. No primeiro dia, foram debatidos a evolução dos homicídios no Brasil na última década e o envolvimento das armas de fogo nesses casos, além de uma discussão sobre a CPI das Armas ? ocorrida em 2011 no Rio de Janeiro.O seminário foi finalizado com um balanço dos 10 anos do Estatuto, em que foram discutidos os impactos da lei, seus avanços e desafios. O objetivo é construir uma agenda para os próximos anos com foco na política nacional de controle de armas.