DIREITO RIO, IPP e Sebrae RJ divulgam resultados da pesquisa Territórios da Moda

Institucional
18 Agosto 2011

Um estudo inédito sobre a moda na cidade do Rio de Janeiro foi divulgado no dia 16, terça-feira, na FGV DIREITO RIO.  A pesquisa Territórios da Moda foi encomendada pelo Instituto Pereira Passos e pelo Sebrae RJ ao Centro de Tecnologia e Sociedade da FGV DIREITO RIO para fazer uma avaliação do setor no Rio de Janeiro. O objetivo é orientar ações e políticas públicas voltadas para o fomento e o desenvolvimento da área.Além de mapear a atual situação da moda carioca, sua importância para a economia da cidade e o grau de informalidade dos profissionais, os pesquisadores identificaram novos polos da moda, em especial na Zona Oeste. Fábricas, confecções, estamparias, costureiras e marcas da região possuem um espaço relevante e vendem para outros estados. O estudo faz parte do programa ?Rio, capital da Indústria Criativa?, da Prefeitura do Rio, cujo foco é a geração de emprego e renda nos setores de moda, design e audiovisual no município.Participaram do lançamento do estudo o diretor superintendente do Sebrae, Cezar Vasquez, o presidente do Instituto Pereira Passos, Ricardo Henriques, e os coordenadores da pesquisa e professores da FGV DIREITO RIO, Carlos Affonso de Souza  e Pedro Augusto Francisco. Na ocasião, também foram apresentadas ações de qualificação do setor  e recomendações de políticas de  médio prazo. Na sequência, houve a discussão dos resultados a partir da realidade de profissionais da moda. A mesa de debates foi formada pela pesquisadora de moda Paula Acioly,pelos estilistas Carlos Tufvesson e Alessa Migani e pela empresária Elivana Alves, da Ki-Korpo. A mediação ficou sob tutela do produtor da Babilônia Feira Hype, Robert Guimarães. Assista ao vídeo do evento no link: http://direitorio.fgv.br/node/1765