Estudo sobre classes e contribuições sociais é premiado por instituição internacional

A dissertação “Your need does not appeal to me. How social class shapes charitable giving across causes”, de Yan Vieites (FGV EBAPE), discute sobre o comportamento de pessoas de diferentes classes em relação a contribuições sociais
Administração
16 Outubro 2019
Estudo sobre classes e contribuições sociais é premiado por instituição internacional

O aluno do Doutorado em Administração da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (FGV EBAPE), Yan Vieites, foi premiado pela Fundação ACR/Sheth por sua dissertação “Your need does not appeal to me. How social class shapes charitable giving across causes”. Esta é a primeira vez que um estudante de instituição da América Latina conquista esse prêmio, distribuído anualmente para reconhecer e estimular o trabalho de pesquisa sobre marketing e comportamento do consumidor.

Em sua pesquisa, Yan promove uma discussão sobre o comportamento de pessoas de diferentes classes em relação a contribuições sociais. Segundo o estudo, cidadãos de maior poder aquisitivo tendem a direcionar suas doações a necessidades menos básicas, como causas estéticas ou culturais, ao passo que pessoas com menos posses focam em causas urgentes, como o combate à fome ou à pobreza.

A Association for Consumer Research (ACR) foi fundada em 1969 por um pequeno grupo de pesquisadores de comportamento do consumidor cuja reunião informal na Ohio State University levou à criação de uma conferência anual dedicada ao estudo do comportamento do consumidor. Hoje, a missão da ACR é promover a pesquisa nesse campo e facilitar o intercâmbio de informações acadêmicas entre membros da academia, indústria e governo em todo o mundo.