Estudo sobre intelectualidade negra, escravidão e herança africana é contemplado pela Faperj

A pesquisa da professora Ynaê Lopes dos Santos (FGV CPDOC) pretende, por meio de uma perspectiva transatlântica, analisar a produção de intelectuais negros como Manuel Querino, W.E.B. Du Bois e Lino Dou Allión, pontuando suas semelhanças e diferenças no que diz respeito ao passado escravista do Brasil, Estados Unidos e Cuba.
Ciências Sociais
25 Setembro 2018
Estudo sobre intelectualidade negra, escravidão e herança africana é contemplado pela Faperj

A professora da Escola de Ciências Sociais (FGV CPDOC), Ynaê Lopes dos Santos foi contemplada pelo programa da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) - Jovem Cientista do Nosso Estado 2018, com o projeto "Intelligenza Negra nas Américas. Escravidão e herança africana nas obras de Manuel Querino, W.E.B  Dubois e Lino Dou Allión".

O projeto tem como objetivo analisar a obra de três intelectuais negros americanos e seus escritos sobre o passado escravista e a herança africana nas sociedades de que faziam parte. Manuel Querino, W.E.B. Du Bois, Lino Dou Allión foram homens negros cujas trajetórias estiveram marcadas pela produção intelectual num momento no qual a intelectualidade americana se deparava com os debates sobre raça, eugenia e identidade nacional. Produtores de narrativas contra-hegemônicas, esses três intelectuais propuseram um olhar distinto para o elemento negro e sua herança africana na construção nacional de seus respectivos países.

A pesquisa pretende, por meio de uma perspectiva transatlântica, analisar a produção desses intelectuais negros, pontuando suas semelhanças e diferenças no que diz respeito ao passado escravista do Brasil, Estados Unidos e Cuba.

Ynaê Lopes dos Santos é doutora em História Social pela USP e pesquisa História das Américas, Escravidão nas Américas; História da África; História do Brasil Monárquico, Escravidão no Brasil; Memória da escravidão; Ensino de História e História Atlântica; Relações étnico-raciais; racismo e antirracismo. No FGV CPDOC, ela coordena o Laboratório de Estudos Étnico-Raciais.