Evento internacional debate futuro das relações entre Brasil e China
Direito
04 Janeiro 2019

Evento internacional debate futuro das relações entre Brasil e China

O encontro contou com a presença de professores e estudantes de mestrado e doutorado, tanto do Brasil como da China.

O coordenador do Núcleo de Estudos Brasil-China da Escola de Direito do Rio de Janeiro (FGV Direito Rio), professor Evandro Menezes de Carvalho, participou como conferencista principal, no último dia 14, do seminário “The Future of China-Brazil Relations: what role for development in the new government?”. O evento, que teve como intuito debater sobre as perspectivas e desafios da relação sino-brasileira com o novo governo brasileiro, foi promovido pelo Fudan Development Institute e o Center for BRICS Studies da Universidade Fudan, em Shanghai. O encontro contou com a presença de professores e estudantes de mestrado e doutorado, tanto do Brasil como da China.

“Os chineses estão preocupados em saber se o Brasil será um ator ativo no BRICS durante esse novo governo. É cedo para responder a esta pergunta. Mas o fato é que a relação Brasil-China ganhou uma densidade que é difícil imaginar que possa haver retrocesso, e isto inclui o BRICS”, explica o professor.

Sobre a parceria entre a FGV Direito Rio e o Center for BRICS Studies da Universidade Fudan, o docente avalia que as perspectivas para a cooperação bilateral no ano de 2019 são muito boas.

“Estamos planejando algumas atividades conjuntas para o ano que vem em razão do fato da Cúpula do BRICS ser no Brasil. E a palestra ministrada já é uma iniciativa no contexto desta preparação para a Cúpula dos BRICS em 2019”, analisa.

A cooperação entre as duas instituições teve início em 2014, com a participação de diversos alunos da FGV em cursos de verão na China, onde Evandro também ministra aulas nos meses de julho. Também tem sido constante a participação da FGV Direito Rio no Shanghai Forum que é realizado, todos os anos, na Universidade Fudan.