Excelência reconhecida: Cursos de Direito da FGV recebem selo OAB Recomenda

O selo foi criado pela OAB em 2001 e está em sua sexta edição. Ele é entregue a instituições que se destacam no ensino do Direito a partir do cruzamento dos resultados do Enade, com peso 1 na avaliação, e dos últimos Exames da Ordem, com peso 4.
Direito
04 Fevereiro 2019
Excelência reconhecida: Cursos de Direito da FGV recebem selo OAB Recomenda

As Escolas de Direito da FGV (FGV Direito Rio e FGV Direito SP) receberam mais uma vez o “Selo de Qualidade OAB Recomenda – Instrumento em Defesa da Educação Jurídica Brasileira”. O reconhecimento, concedido pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no último dia 30 de janeiro, atesta a qualidade e excelências dos cursos de graduação em Direito oferecidos pela FGV, seja no Rio de Janeiro ou em São Paulo.

“O selo OAB Recomenta – assim como tem ocorrido no meio acadêmico, profissional e regulatório – revela o reconhecimento da excelência do curso da FGV Direito SP, bem como o compromisso dos alunos e professores com o ensino jurídico”, afirma o professor Roberto Dias, coordenador da Graduação da FGV Direito SP.

O selo OAB Recomenda foi criado pela OAB em 2001 e está em sua sexta edição. Ele é entregue a instituições que se destacam no ensino do Direito a partir do cruzamento dos resultados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), com peso 1 na avaliação, e dos últimos Exames da Ordem, com peso 4 na avaliação. Os cursos de Graduação que obtêm nota acima de 7, numa escala de 0 a 10, ganham o selo por serem considerados de elevado padrão, conforme os critérios estabelecidos pela Comissão Especial para Elaboração do Selo OAB Recomenda.

“Receber o selo OAB Recomenda, pela terceira vez consecutiva, traz muita alegria. Evidencia, segundo critérios objetivos, a qualidade do projeto pedagógico da Escola e o desempenho dos nossos alunos, num ambiente de forte comprometimento de professores e funcionários da FGV Direito Rio na permanente busca da excelência no ensino jurídico”, destaca o professor Sérgio Guerra, diretor da FGV Direito Rio.

 

Foto: Divulgação/ OAB