FGV debate desafios da Copa do Mundo com ministro do Esporte e presidente da FIFA

Os participantes debateram os desafios e impactos da realização da Copa no país, passando por questões ligadas à responsabilidade social, à educação e ao Direito.
Institucional
03 Julho 2014

A Copa do Mundo de 2014 no Brasil já está em sua metade e, com a aproximação dos Jogos Olímpicos de 2016, as atenções continuam voltadas para a necessidade de profissionais qualificados que, direta ou indiretamente, irão causar impactos na organização dessa e de outras competições. Frente a esse cenário, a Fundação Getulio Vargas realizou ontem, 2 de julho, o III Seminário Gestão Esportiva FGV FIFA Master Alumni.Coordenado pelo professor de Direito Desportivo da Escola de Direito do Rio de Janeiro (FGV DIREITO RIO) Pedro Trengrouse, o evento contou com a presença do presidente da FGV Carlos Ivan Simonsen Leal, do vice-diretor do Instituto de Desenvolvimento Educacional (IDE-FGV) Stavros Xanthopoylos e de diversos nomes de peso ligados ao setor ? entre eles o ministro do Esporte Aldo Rebelo e o presidente da FIFA Joseph Blatter. Os participantes debateram os desafios e impactos da realização da Copa no país, passando por questões ligadas à responsabilidade social, à educação e ao Direito. ?Esse seminário é resultado de muito trabalho, desde quando o presidente Carlos Ivan assinou um acordo de cooperação entre a FGV e a FIFA há alguns anos?, ressalta Trengrouse, que também é coordenador do programa de aperfeiçoamento FGV/FIFA/CIES de Gestão, Marketing e Direito no Esporte ? oferecido através dessa parceria. Segundo o professor, o curso está em sua quinta turma e já capacitou mais de 500 alunos.Essa edição do seminário, realizado anualmente, aconteceu no Teatro Maison de France, no Centro do Rio de Janeiro. Para mais detalhes sobre os palestrantes e programação, clique aqui.Confira também a página com informações do curso oferecido pela FGV e pela FIFA.*Na foto, o presidente da FIFA Joseph Blatter.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.