FGV IBRE lança Portal da Inflação

O principal destaque é a divulgação do Núcleo de Inflação Triplo Filtro (N-TF), método elaborado pelos pesquisadores da Fundação para calcular o núcleo com menos volatilidade
Economia
10 Dezembro 2018
FGV IBRE lança Portal da Inflação

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) lançou no dia 7 de dezembro o Portal da Inflação. A nova ferramenta foi desenvolvida com o objetivo de reunir informações sobre os indicadores de inflação do país – assim como os índices que impactam no seu desempenho –, melhorando o nível de conhecimento e acesso ao tema, tanto para especialistas no assunto como para pessoas leigas.

Pedro Guilherme Costa Ferreira, pesquisador do FGV IBRE e um dos responsáveis pelo novo portal, acredita que as diferentes funcionalidades do dashboard podem auxiliar a dar uma visão mais ampla do tema. Para o economista, o principal destaque é a divulgação do Núcleo de Inflação Triplo Filtro (N-TF), método elaborado pelos pesquisadores da Fundação para calcular o núcleo com menos volatilidade.

Como o nome sugere, o cálculo passa por três etapas. A primeira, já usada no mercado, é a média aparada, em que são excluídos produtos e serviços que apresentam no mês variação muito alta, tanto para baixo como para cima. Porém, segundo Costa Ferreira, “esse filtro não corrigia o problema sazonal, ainda apresentava volatilidade”. Por isso foi criado o segundo filtro, que é o ajuste sazonal da coleta. Já a última etapa trata do tempo de cálculo do indicador – em vez de se considerar os últimos 12 meses, o N-TF considera a média móvel trimestral.

“Calcular o núcleo com base na média móvel trimestral torna-o menos dinâmico, porém passa-se a considerar mudanças mais sólidas. Quem olhar para o núcleo triplo filtro poderá fazer uma leitura mais precisa da inflação no curto prazo, se comparado com a inflação acumulada em 12 meses. Vai ajudar o mercado e as pessoas a observar a trajetória da inflação sem olhar para trás”, destacou o pesquisador.

As informações de índices de preços do Brasil serão atualizadas semanalmente. Os usuários também irão encontrar dados sobre a inflação das principais capitais brasileiras e de outros países. No portal serão exibidas também as evoluções dos principais itens da cesta básica do consumidor, facilitando a compreensão sobre qual grupo de produtos ou serviços afetou o valor observado naquele mês.

Para conhecer o Portal da Inflação, acesse o site.