Livro da FGV Projetos faz trajetória do móvel contemporâneo do Brasil

A FGV Projetos e a Aeroplano Editora lançam o livro Móvel Brasileiro Contemporâneo, com as principais obras brasileiras desde a década de 1970. Fernando Jaeger, Ovo, Ruy Ohtake, Irmãos Campana, Lattoog e Zanini de Zanine, Índio da Costa, Claudia Moreira Salles, Isabela Vecci e Hugo França são os expoentes desta geração.
Institucional
09 Dezembro 2013

Dando continuidade ao volume Móvel Brasileiro Moderno, a FGV Projetos e a Aeroplano Editora lançam o livro Móvel Brasileiro Contemporâneo ?  com as principais obras brasileiras que influenciam designers de todo o mundo da década de 1970 até os dias de hoje.A publicação faz um panorama da retomada do interesse por móveis feitos de madeira e palhinha e a ruptura com a tradição através de matérias-primas menos nobres (borracha, lona e fibra de cimento, por exemplo) dos anos 80 até a diversidade de linguagem, conceito, modos de produção e mercados atingidos nos anos 2000. E, para isso, traz 437 ilustrações de peças concebidas por 63 nomes como Fernando Jaeger, Ovo, Ruy Ohtake, Irmãos Campana, Lattoog e Zanini de Zanine, Índio da Costa, Claudia Moreira Salles, Isabela Vecci e Hugo França.O livro Móvel Brasileiro Contemporâneo estreou na Semana Design Rio deste ano e é idealizado pelo diretor da FGV Projetos, Cesar Cunha Campos, e coordenado por Silvia Finguerut. Paulo Herkenhoff é o editor da publicação.A obra também está disponível online. Clique aqui para baixar.