Livro lançado hoje discute os desafios e alternativas para a gestão da madeira amazônica

Institucional
29 Novembro 2011

Está sendo lançado hoje, em São Paulo, o livro ?Poder Público e Consumo de Madeira: desafios e alternativas para a gestão responsável da madeira amazônica?. O livro ? que aponta experiências e caminhos para o consumo sustentável da madeira de origem amazônica ?destaca o importante papel do poder público como regulador e comprador responsável da madeira nativa. A publicação é assinada por pesquisadores dos centros de estudos em Sustentabilidade (GVCes) e Administração Pública e Governo (GVceapg) da EAESP. Os dois centros de estudo são responsáveis pela iniciativa Amigos da Amazônia.  O livro traz experiências práticas em estudos de caso realizados com governos da cidade de Sorocaba (SP), Porto Alegre (RS), do município de São Paulo e do governo do estado de São Paulo, todos membros da Rede Amigos da Amazônia. Cada caso estudado traz depoimentos de técnicos e gestores públicos, bem como exemplos de modelos de legislação, editais de compras e contratações públicas que envolvem madeira de origem amazônica. O lançamento conta com palestras e debates com especialistas da área governamental para discutir alternativas para uma gestão pública mais responsável. Entre os convidados estão Peter Spink, professor do Departamento de Gestão Pública da FGV-EAESP, o vereador Beto Moesch, ex-secretário do Meio Ambiente de Porto Alegre (RS), Mauro Haddad, gerente do Programa Verde-Azul da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Thais Horta, coordenadora da Agenda Ambiental na Administração Pública do Município de São Paulo (A3P) e Jussara de Lima Carvalho, secretária de Meio Ambiente de Sorocaba (SP). O evento, gratuito e aberto ao público, acontece até 12h30 no Salão Nobre da FGV em São Paulo. A presença mais esperada é a de Samyra Crespo, da Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do Ministério do Meio Ambiente. 

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.