Nova comissão do MEC visa aprimorar avaliação do desempenho dos estudantes
Administração
08 Agosto 2018

Nova comissão do MEC visa aprimorar avaliação do desempenho dos estudantes

A Comissão tem o objetivo de propor e revisar o aperfeiçoamento dos instrumentos de avaliação e de coleta de dados; criar estratégias para o aprimoramento da avaliação de desempenho de estudantes e de sua metodologia; contribuir com a formação e capacitação dos servidores, além de realizar testes estatísticos e produzir documentos técnicos sobre propostas e demandas referentes à avaliação da Educação Superior.

O professor da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (FGV EBAPE), Kaizô Iwakami Beltrão, foi nomeado para a Comissão de Assessoramento para Revisão dos Processos Avaliativos, Instrumentos e Técnicas de Coleta de Dados e Indicadores da Educação Superior do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A comissão é formada por especialistas em avaliação da Educação Superior, estudos estatísticos, medidas e análises de avaliações educacionais em larga escala, técnicas e metodologias de análises estatísticas aplicadas à educação e à construção de indicadores educacionais.

A Comissão de Assessoramento tem o objetivo de propor e revisar o aperfeiçoamento dos instrumentos de avaliação e de coleta de dados; criar estratégias para o aprimoramento da avaliação de desempenho de estudantes e de sua metodologia; contribuir com a formação e capacitação dos servidores, além de realizar testes estatísticos e produzir documentos técnicos sobre propostas e demandas referentes à avaliação da Educação Superior.

O grupo está ligado à Diretoria de Avaliação da Educação Superior (Daes), que coordena a avaliação dos cursos e Instituições de Educação Superior (IES), articulando-se com os sistemas federais e estaduais de ensino. A diretoria também é responsável pelo cálculo dos Indicadores de Qualidade da Educação Superior, e pela a realização do Enade e das avaliações in loco de cursos e de IES. A Daes também organiza e capacita o Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASis); propõe a realização de avaliações internacionais da educação superior em articulação com organismos estrangeiros e internacionais; e coordena a elaboração dos instrumentos de avaliação da Educação Superior segundo as diretrizes da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior.