Novo livro traz reflexão sobre o passado nas humanidades e nas ciências sociais

Ewa Domańska, autora do livro, é uma das maiores historiadoras e teóricas da história da atualidade e vincula-se a uma refinada linhagem de historiadores vanguardistas.
Ciências Sociais
27 Março 2024
Novo livro traz reflexão sobre o passado nas humanidades e nas ciências sociais

Em "A história para além do humano", publicado pela FGV Editora, Ewa Domańska oferece um programa crítico de revalorização e inovação da reflexão histórica no século XXI, através de pesquisa avançada, propondo um novo sentido do passado quando colocado na perspectiva do futuro possível. 

Ewa Domańska é uma das maiores historiadoras e teóricas da história da atualidade e vincula-se a uma refinada linhagem de historiadores vanguardistas. Sua destacada atuação na área de teoria da história junto à Universidade Adam Mickiewicz na cidade de Poznań e como professora visitante da Universidade de Stanford nos Estados Unidos tem projetado seus estudos em várias partes do mundo. Desde os anos 1990 é uma autora que produz pesquisas ousadas e originais, voltadas para o problema da verdade e da representação histórica, do narrativismo e da crítica pós-estruturalista e que, mais recentemente, de forma inovadora e pioneira, tem desbravado cami­nhos pouco percorridos acerca do antropoceno e do pós-humanismo, despertando interesse sobre seu pensamento e sua obra em diferentes países. 

Nesta obra estão presentes os aspectos essenciais que orientam seu trabalho de pesquisa:  

  • A ideia de construir um conhecimento holístico e relacional do passado que preze pela coexistência e cooperação entre espécies, culturas acadêmicas e modos não-ocidentais de saber e conhecer;  

  • Uma compreensão das humanidades e da história como formas de conhecimento ativas e capacitadoras de sujeitos históricos conscientes de seu papel ético e político;  

  • Sua abordagem trans e multidisciplinar que pretende articular o campo científico, fundindo ciências, metodologias e saberes variados, com vistas à construção de pontes entre as diversas culturas acadêmicas e saberes práticos; 

  • Sua proposta futuro-orientada, que reflete as mudanças em curso no presente para repensar uma historiografia que não se defina mais pelas críticas mas por formas alternativas de se relacionar e conhecer o passado em termos globais e planetários. 

O que está em jogo nas discussões sobre “a história para além do huma­no” são duas categorias fundacionais da história enquanto produto das culturas greco-romana e judaico-cristã que estão no núcleo de sua abor­dagem do passado: os humanos (antropocentrismo) e a historicidade.  

Para ter acesso a obra, clique aqui

Esse site usa cookies

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação e utiliza tecnologias como cookies para armazená-las e permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para mais informações, acesse o nosso Aviso de Cookies e o nosso Aviso de Privacidade.