NPII visita Índia e participa de Conferência sobre a ordem mundial

O Raisina Dialogue é o evento oficial anual, sob a égide do Ministério das Relações Exteriores da Índia e aberto com a presença do Primeiro-Ministro, que reúne líderes globais nas áreas da política, segurança, negócios, mídia e sociedade civil em Nova Délhi.
Relações Internacionais
01 Fevereiro 2019
NPII visita Índia e participa de Conferência sobre a ordem mundial

No período de 5 a 14 de janeiro, o diretor do Núcleo de Prospecção e Inteligência Internacional (NPII), professor Renato Flôres, esteve em visita oficial à Índia, estabelecendo e renovando contatos com diversas organizações e entidades locais. Proveitosas conversas foram também travadas com o recém-empossado Embaixador brasileiro em Délhi, sendo delineados interessantes projetos a serem desenvolvidos e que poderão envolver outras áreas da FGV.

O professor teve a sua viagem custeada pela Observer Research Foundation - ORF, think tank com quem o NPII mantém uma parceria de longa data. Nesse contexto, ele participou, em 7 de janeiro, do Encontro de Think Tanks indianos, coordenado conjuntamente pelo ORF e a iniciativa da Pennsylvania de classificação de think tanks presidida por James McGann, também presente a esse seminário.

Além disso, de 8 a 10 de janeiro, foi debatedor oficial no Raisina Dialogue 2019 - A World Reorder: New Geometries, Fluid Partnerships and Uncertain Outcomes. O Raisina Dialogue é o evento oficial anual, sob a égide do Ministério das Relações Exteriores da Índia e aberto com a presença do Primeiro-Ministro, que reúne líderes globais nas áreas da política, segurança, negócios, mídia e sociedade civil em Nova Délhi. A conferência aborda as questões mais desafiadoras enfrentadas pela comunidade global. no momento e é considerada o evento mais importante do país nessa área. Reveste-se hoje de particular significância por oferecer a oportunidade de contrastar a visão indiana com a de outra potência asiática, a China.

A curadoria do Dialogue é de responsabilidade do ORF, e o mesmo é estruturado de forma a permitir um debate intersetorial entre múltiplos stakeholders, envolvendo Chefes de Estado, ministros e autoridades governamentais, bem como representantes-chave do setor privado, da imprensa e da academia.O trabalho é intenso, iniciando-se com painéis na parte da manhã e prolongando-se em debates que ocupam o jantar e até um sessão posterior final de café e reflexões. Fiel à tradição de neutralidade e abertura da Índia, nesse ano, participaram tanto o Comandante em Chefe da Frota Norte-Americana do Pacífico como o Ministro das Relações Exteriores do Irã.

O Professor Flôres foi um dos debatedores do painel “FTAs: Taking the Pulse of Globalisation” e atuou como moderador na mesa “The Swing Continent: What is South America's Place in the World Re-order?”.