Otimismo dos empresários latinoamericanos cai, aponta EESP

Institucional
20 Junho 2012

O otimismo dos empresários latinoamericanos caiu neste trimestre, mas contratações devem continuar em alta. Estas são algumas das conclusões da mais recente pesquisa ?CFO Magazine Global Business Outlook?, realizada pela Universidade de Duke e pela EESP com 38 CFOs de empresas da América Latina. Este é o primeiro trimestre em que a América Latina faz parte do estudo, que ouviu ao todo 811 CFOs do mundo inteiro durante 65 trimestres.
 

De acordo com a pesquisa, as empresas latino-americanas estão preocupadas com as demandas dos fins de semana, a instabilidade financeira global, a pressão dos preços, as políticas governamentais e a escassez de trabalhadores qualificados. 71% delas disseram que a corrupção tem um significante impacto negativo em seus negócios.
 

A preocupação se reflete na queda do otimismo dos executivos. ?Esse otimismo minguante é resultado das fracas perspectivas econômicas para as empresas na América Latina e também para os mercados globais em que operam?, afirma Gledson Barbosa, professor de Finanças da FGV em São Paulo e codiretor da Latin American Business Outlook Survey. ?Curiosamente, o otimismo do CFO sobre sua própria empresa continua forte, o que sugere que muitas empresas latinoamericanas estão prontas para um crescimento rápido, uma vez que o panorama global está melhorando?, acredita Gledson.
 

Por esta razão, as contratações e os gastos das empresas continuarão em alta. As empresas latinoamericanas continuam a expandir-se rapidamente, disse Klenio Barbosa, professor de economia na FGV em São Paulo e codiretor do estudo Latin American Business Outlook. Apesar do crescimento cair para a economia mundial, muitas empresas latinoamericanas continuam a expandir suas operações e capacidades. Na verdade, muitas dessas empresas se esforçam para encontrar funcionários com as habilidades certas?, explica.
 

Para conferir o estudo completo, acesse  www.cfosurvey.org
 

Esse site usa cookies

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação e utiliza tecnologias como cookies para armazená-las e permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para mais informações, acesse o nosso Aviso de Cookies e o nosso Aviso de Privacidade.