RAE se destaca em indexadores internacionais com o aumento do Fator de Impacto

O resultado classifica a RAE entre as dez primeiras revistas do Brasil indexadas na base WoS/SSCI, que reúne periódicos de diversas áreas
Administração
04 Julho 2019
RAE se destaca em indexadores internacionais com o aumento do Fator de Impacto

O Fator de Impacto (FI) da Revista de Administração de Empresas (RAE) aumentou em indexadores internacionais como o JCR, Scopus, SciELO e Redib. No Journal Citation Reports (JCR) o aumento foi superior a 70% de acordo com o último ranking divulgado pela Clarivate Analytics (junho de 2019), subindo de 0.404 (2017) para 0.701 (2018). O resultado classifica a RAE entre as dez primeiras revistas do Brasil indexadas na base WoS/SSCI, que reúne periódicos de diversas áreas, como por exemplo Ciências Biológicas, Ciências Exatas e Ciências Sociais.

Indexada também no Scopus, da Elsevier, o CiteScore da RAE subiu de 0.49 em 2017 para 0.80 em 2018. Para calcular o valor do CiteScore, são consideradas o total de citações recebidas em 2018, dividido pelo número de documentos publicados entre 2015 e 2017. Já no SciELO, o FI aumentou de 0,4286 (2017) para 0,6056 (2018), sendo o maior entre as revistas brasileiras de Administração de Empresas. Outra importante marca para o periódico: desde 2017, a RAE tem ultrapassado quatro milhões de acessos anuais no SciELO, no qual disponibiliza todo seu acervo. No Redib, o Qualificador Global da RAE é de 26.637, ocupando o primeiro lugar no ranking geral de Ciências Sociais, que inclui publicações do Brasil, México, Chile, Espanha e outros países.

“Esses resultados são frutos do compromisso com rigor científico e relevância da qualidade editorial que marcam a história de 58 anos de publicação ininterrupta da RAE. Desde 2018, a revista publica artigos em inglês, com uma segunda versão em português ou espanhol, o que fortalece sua projeção internacional. Além disso, são contínuos os esforços para propagação do conteúdo editorial do periódico, como as chamadas de trabalhos para edições especiais, que são planejadas em parceria com pesquisadores brasileiros e estrangeiros, envolvendo os diversos continentes mundiais”, afirma a professora Maria José Tonelli (FGV EAESP), editora-chefe da RAE.

Esses avanços se juntam com um esforço de divulgação da RAE em comunidades como a Academy of Management (EUA), a British Academy of Management (BAM) e a European Academy of Management (EURAM). A RAE marca presença também nas redes sociais da Fundação Getulio Vargas, como Facebook, LinkedIn e Twitter, além de disponibilizar o conteúdo gratuitamente no site da RAE-publicações e da Biblioteca Digital da FGV.

Para conhecer a publicação, acesse o site.