Rede Mundial de Justiça Eleitoral reúne especialistas para discutir desafios das democracias contemporâneas

Os encontros permitem a troca de experiência, boas práticas e trabalhos relevantes sobre o tema, além de contribuir para a implementação de estratégias para a resolução de problemas comuns
Direito
27 Novembro 2019
Rede Mundial de Justiça Eleitoral reúne especialistas para discutir desafios das democracias contemporâneas

A Escola de Direito do Rio de Janeiro (FGV Direito Rio) marcou presença na Rede Mundial de Justiça Eleitoral, representada pelo Coordenador do Centro de Justiça e Sociedade (CJUS), professor Michael Mohallem. O objetivo do evento, realizado entre os dias 6 e 8 de novembro, no México, é criar uma rede que permita dar sequência a uma agenda comum mundialmente para a justiça eleitoral em Estado Constitucional e Democrático de Direito.

A rede é uma resposta aos desafios enfrentados pelas cortes constitucionais e pelos tribunais eleitorais nas democracias contemporâneas. A proposta é oferecer um espaço para a reflexão sobre os principais dilemas normativos, teóricos e práticos enfrentados pelos órgãos responsáveis por garantir a justiça eleitoral e o Estado de Direito.

Os encontros permitem a troca de experiência, boas práticas e trabalhos relevantes sobre o tema, além de contribuir para a implementação de estratégias para a resolução de problemas comuns.