Resultados da Sala de Democracia Digital são apresentados na OEA
Políticas Públicas
19 Novembro 2018

Resultados da Sala de Democracia Digital são apresentados na OEA

“A reunião ofereceu um espaço privilegiado para a divulgação dos esforços de pesquisa empreendidos pela Diretoria durante o período eleitoral, na medida em que os dados coletados sobre o debate político puderam ser apresentados a agentes diretamente envolvidos em processos eleitorais”, apontou Thais Lobo.

A Diretoria de Análise de Políticas Públicas (FGV DAPP) participou, entre os dias 7 e 9 de novembro, da “XVIII Reunião Interamericana de Autoridades Eleitorais”, promovida pela Organização dos Estados Americanos (OEA) em Santo Domingo, na República Dominicana. A pesquisadora Thais Lobo integrou a mesa "Redes sociais: Como garantir privacidade de dados e liberdade de expressão ao combater a desinformação?", apresentando os resultados da Sala de Democracia Digital - #observa2018, que monitorou o debate público em diversas plataformas durante as eleições presidenciais.

“A reunião ofereceu um espaço privilegiado para a divulgação dos esforços de pesquisa empreendidos pela Diretoria durante o período eleitoral, na medida em que os dados coletados sobre o debate político puderam ser apresentados a agentes diretamente envolvidos em processos eleitorais. Os fluxos de informação nas redes sociais apresentam desafios para outros países da região, e a experiência brasileira contribui para o aprendizado de como enfrentá-los”, apontou.

Também participaram do painel Ben Supple, gerente de políticas públicas do WhatsApp; Jason Marczak, diretor do Adrienne Arsht Latin American Center, do Atlantic Council; e Edison Lanza, relator especial para liberdade de expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH). O debate foi moderado por Francisco Guerrero, secretário para fortalecimento da democracia na OEA.

O evento ainda abordou temas como os desafios para a efetiva participação feminina na política; modelos de regulação da mídia para o acesso igualitário; desafios no estabelecimento de limites de gastos em campanhas eleitorais; e o papel de pesquisas de opinião em processos eleitorais. Cada painel foi precedido por uma apresentação de especialistas, incentivando uma discussão substantiva entre os delegados.

O objetivo do encontro foi promover o intercâmbio de conhecimentos, experiências e práticas bem-sucedidas na administração eleitoral na região. A reunião facilita a cooperação horizontal a fim de fortalecer continuamente as capacidades institucionais dos órgãos eleitorais e melhorar ainda mais o modo como as eleições são conduzidas nas Américas.

Para conhecer a Sala de Democracia Digital, acesse o site.

Eventos

Vídeos