Corrupção e Ineficiência

  • Corrupção e Ineficiência
    Resumo

    Os resultados da pesquisa sugerem que moralidade e normas são de fato cruciais para um equilíbrio de voto superior em sistemas com políticos heterogêneos: enquanto a corrupção é sempre punida, o interesse próprio - na ausência de normas - leva à aceitação e perpetuação de desperdícios e perdas sociais.

Cadastre-se para receber novidades do Think Tank FGV

Autor

  • Paulo Roberto Arvate

    Possui mestrado e doutorado em Economia pela Universidade de São Paulo (USP). Desenvolveu parte de seu doutorado na Universidade da California, Los Angeles (UCLA) e foi professor visitante da Michigan State University (MSU). Atualmente, é pesquisador do C-Micro (FGV) e professor da Escola de Administração da Fundação Getulio Vargas de São Paulo (EAESP). Sua área de trabalho é finanças públicas, economia política e escolha pública.