Professor da EAESP é eleito para Academia Brasileira de Direito do Trabalho

Boucinhas se unirá aos outros 98 acadêmicos oriundos dos mais diversos estados do Brasil a partir de demonstrações de relevante contribuição para o desenvolvimento, estudo, pesquisa e a difusão do Direito do Trabalho Brasileiro.
Administração
13 Fevereiro 2017

O professor de Direito Trabalhista da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da FGV (EAESP) e pesquisador do Núcleo de Estudos em Organizações e Pessoas (NEOP), Jorge Cavalcanti Boucinhas Filho, foi eleito para a Academia Brasileira de Direito do Trabalho.

Boucinhas se unirá aos outros 98 acadêmicos oriundos dos mais diversos estados do Brasil a partir de demonstrações de relevante contribuição para o desenvolvimento, estudo, pesquisa e a difusão do Direito do Trabalho Brasileiro.

A Academia Brasileira de Direito do Trabalho foi fundada no Rio de Janeiro em 1978 por um grupo de juristas ligados à área para o estudo, o aperfeiçoamento e a difusão da legislação trabalhista.  Ao longo de seus quase quarenta anos de existência realizou simpósios, congressos, concursos, publicações e incrementou todas as formas de pesquisa e disseminação do Direito do Trabalho. É a Seção brasileira da Société Internacional de Droit du Travail et de la Securité Social (SIDTSS).

Jorge Boucinhas é graduado em Direito pela UFRN, mestre e doutor em Direito do Trabalho pela USP e pós-doutor em Direito pela Université de Nantes, na França.