Vestibular: Curso de Administração Pública abre primeira turma de graduação em Brasília

FGV traz para capital federal um programa que alia qualidade e excelência acadêmica a uma proposta inovadora de ensino e que permite privilegiar o aprendizado e a vivência nas questões enfrentadas pelos três poderes da República
Institucional
01 Julho 2019
Vestibular: Curso de Administração Pública abre primeira turma de graduação em Brasília

A graduação em Administração Pública da FGV tem o claro propósito de tornar o Brasil e o mundo mais justos a partir da boa gestão e políticas públicas. O programa, já tradicional em São Paulo, chega agora à Brasília com o objetivo de formar uma elite de profissionais para pensar o futuro do país e ocupar posições estratégicas das organizações do Setor Público, propondo soluções inovadoras para os problemas nacionais. O desembarque do curso na capital federal é uma das novidades do Vestibular FGV, que deu início nesta segunda, 1º de julho, ao processo seletivo para 2020.

O curso é oferecido em Brasília pela Escola de Políticas Públicas e Governo (FGV EPPG) a partir de uma parceria estratégica com a Escola de Administração de Empresas de São Paulo (FGV EAESP), o que garante um alinhamento entre os currículos e metodologias pedagógicas em ambas as cidades. Dessa forma, a FGV traz para Brasília um programa que alia qualidade e excelência acadêmica a uma proposta inovadora de ensino e que permite privilegiar o aprendizado e a vivência nas questões enfrentadas pelos três poderes da República. A localização na capital do país coloca os estudantes em contato com os principais organismos internacionais além das embaixadas de todos os países com representação diplomática no Brasil.

“A graduação em Administração Pública privilegia a aderência com a prática do setor público e a busca da excelência pelo estudo das teorias e conceitos mais avançados na literatura nacional e internacional. Os alunos serão preparados para uma compreensão ampla da realidade do País, integrando os conceitos da Administração Pública com os de diversos outros campos do conhecimento, de maneira que se tornem capazes de impactar positivamente a sociedade. O estudante de graduação desenvolverá ao longo do curso competências analíticas e uso de ferramentas de gestão em organizações, sejam elas públicas ou privadas. Dessa forma, estará apto para assumir a posição de protagonista em órgãos do setor público, ONGs, consultorias, organismos internacionais, fundações e empresas privadas”, destaca Tássia de Souza Cruz, coordenadora do curso.

As inscrições no vestibular em Administração Pública podem ser feitas até o dia 8 de outubro, às 18h, por meio do site do Vestibular FGV, com condições especiais para quem se inscrever até o dia 9 de agosto (18h).  Os interessados poderão ingressar no curso por meio do Vestibular (35 vagas), pelo Enem (8 vagas) ou por meio de processos seletivos internacionais (7 vagas).

Para mais informações sobre o processo seletivo para o curso de Administração Pública e para os demais cursos de graduação da FGV, acesse o site do Vestibular.