Seminário fala sobre Copa do Mundo e sua influência na geopolítica mundial
Ciências Sociais
20 Março 2018

Seminário fala sobre Copa do Mundo e sua influência na geopolítica mundial

O evento vai contar com a participação de especialistas das áreas de geografia, história e relações internacionais. Eles vão analisar as Copas do Mundo organizadas pela FIFA como fenômenos geopolíticos, a serem compreendidos em seus aspectos institucionais, que sustentam as correlações de força entre países nos séculos XX e XXI.

A Copa do Mundo é um dos eventos esportivos de maior apelo mundial que, não raras oportunidades, foi utilizada como instrumento político. No ano em que o torneio será realizado pela primeira vez na Rússia, o Laboratório de Estudos do Esporte (LESP) da Escola de Ciências Sociais (FGV CPDOC) e o Núcleo de Estudos Contemporâneos da UFF realizam, nos dias 4 e 5 de abril, o seminário “A política das Copas – história e memória dos Mundiais da FIFA (1978-2018)”.

O evento vai contar com a participação de especialistas das áreas de geografia, história e relações internacionais. Eles vão analisar as Copas do Mundo organizadas pela FIFA como fenômenos geopolíticos, a serem compreendidos em seus aspectos institucionais, que sustentam as correlações de força entre países nos séculos XX e XXI.

O primeiro dia do evento será realizado na FGV (Praia de Botafogo, 190, Auditório 1014. Botafogo, Rio de Janeiro/RJ) e será marcado pela exibição do documentário “Memórias do chumbo: o futebol nos tempos do Condor”, de Lúcio de Castro (Brasil, 2012, 52 min). Na sequência, será realizada a mesa “40 anos da Copa do Mundo da Argentina de 1978: futebol e ditaduras na América Latina”, com a participação de Álvaro do Cabo (Universidade Cândido Mendes) e Lívia Magalhães (UFF), com mediação do professor Américo Freire (FGV CPDOC).

Já o segundo dia do seminário terá lugar na UFF (Rua Prof. Marcos Waldemar de Freitas Reis, Bloco O, sala 1 - Auditório da Pós-Graduação do Instituto de História. Campus do Gragoatá, Niterói/RJ), que vai sediar a conferência “Os desafios dos megaeventos esportivos na conjuntura global do século XXI”, com palestra de Gilmar Mascarenhas (Uerj) e mediação de Bernardo Buarque (FGV CPDOC). Em seguida, Adriano Freixo (UFF) e Maurício Santoro (Uerj) debatem "A Copa da Rússia de 2018: geopolítica global em questão", com mediação de Lívia Magalhães (UFF).

Para mais informações sobre o evento, acesse o site.