Seminário internacional aborda recuperação das atividades de óleo e gás no Brasil

A vice-ministra de Petróleo e Energia da Noruega, Ingvil Smines Tybring-Gjedde, faz a palestra de abertura do evento, cujo tema será “Pensando Oceano – a importância de desenvolver uma política energética coordenada e integrada e o impacto no setor marítimo e offshore”.
Institucional
18 Setembro 2018
Seminário internacional aborda recuperação das atividades de óleo e gás no Brasil

A Escola de Direito do Rio de Janeiro (FGV Direito Rio) e a FGV Energia, em parceria com a Associação Brasileira dos Armadores Noruegueses (Abran) e o Real Consulado Geral da Noruega, realizam, no dia 25 de setembro, das 08h30 às 12h, o “III Seminário Brasil x Noruega – A recuperação das atividades de óleo e gás no Brasil, as novas tendências tecnológicas e os reflexos na regulação do setor marítimo e offshore”. O evento será realizado no auditório da Sede FGV (Praia de Botafogo, 190. 12º andar – Botafogo, Rio de Janeiro/RJ).

A abertura do seminário vai contar com a participação do diretor da FGV Direito Rio, professor Sérgio Guerra, do diretor da FGV Energia, Carlos Otavio Quintella, do presidente da Abran, Felipe Meira, do cônsul geral da Noruega, Sissel Hodne Steen, e da vice-ministra de Petróleo e Energia da Noruega, Ingvil Smines Tybring-Gjedde, que faz a palestra de abertura do evento, cujo tema será “Pensando Oceano – a importância de desenvolver uma política energética coordenada e integrada e o impacto no setor marítimo e offshore”. Na sequência, o professor Sérgio Guerra vai falar sobre “O modelo regulatório brasileiro e a necessidade de adaptação às mudanças tecnológicas com foco no setor marítimo e offshore”. O evento terá sequência com o painel de apresentações: Brasil e Noruega.

Especialistas de ambos os países vão debater os “desafios e oportunidades trazidas pela recuperação das atividades de óleo e gás em um ambiente de crescentes transformações tecnológicas e preocupações com mudanças climáticas”, com moderação da professora da FGV Direito Rio, Patrícia Sampaio. Já o diretor de Portos e Costas, vice-almirante Roberto Gondim Carneiro da Cunha, vai falar sobre o “O papel da Autoridade Marítima Brasileira e os desafios trazidos pela recuperação das atividades de óleo e gás no Brasil”.

O diretor da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Mario Povia, por sua vez, apresenta as “perspectivas de crescimento da indústria marítima e offshore, as novas tecnologias e os reflexos na regulação do mercado pela Antaq”. Por fim, Lasse Karlsen, diretor técnico da Autoridade Marítima da Noruega, fala sobre “O impacto das novas tecnologias da indústria de transporte marítimo e offshore, como os navios autônomos, na visão da Autoridade Marítima Norueguesa”; e Claudio Cesar de Araújo, gerente executivo de Suprimento de Bens e Serviços Petrobras, palestra sobre “as perspectivas futuras da Petrobras, as novas tendências tecnológicas e os reflexos na aquisição de bens e serviços do setor de transporte marítimo e offshore.

Para mais informações e inscrições, acesse o site.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.