Lei de Incentivo ao Esporte é tema de debate no Rio
Políticas Públicas
11 Setembro 2018

Lei de Incentivo ao Esporte é tema de debate no Rio

“Percebemos que políticas de incentivo ao esporte é um assunto que ainda suscita dúvidas e questionamentos no Brasil. E essa é uma oportunidade real para as empresas entenderem melhor sobre esse mecanismo de investimento social, suas leis, oportunidades e benefícios”, explica Sóstenes Oliveira, diretor geral da Fundação.

O Núcleo de Estágio e Desenvolvimento de Carreiras da FGV, em parceria com a Fundação Gol de Letra e o Clube do Patrocínio, promove, no dia 20 de setembro, um debate sobre a Lei de Incentivo ao Esporte. O Encontro com Investidores Sociais vai reunir os diretores da Fundação Gol de Letra, Sóstenes Oliveira e Beatriz Pantaleão, o gerente de Patrocínio da Oi, Bruno Cremona, além do publicitário Danyel Braga, do Clube do Patrocínio, plataforma online que oferece soluções para projetos culturais, esportivos e sociais e facilita a captação de patrocínios para empresas e Paulo Vieira, Presidente da Comissão Técnica da Lei de Incentivo do Ministério do Esporte. O evento, que acontece no auditório da Sede FGV (Praia de Botafogo, 190. 12º andar. Botafogo, Rio de Janeiro/RJ), é gratuito e aberto ao público.

“Percebemos que políticas de incentivo ao esporte é um assunto que ainda suscita dúvidas e questionamentos no Brasil. E essa é uma oportunidade real para as empresas entenderem melhor sobre esse mecanismo de investimento social, suas leis, oportunidades e benefícios”, explica Sóstenes Oliveira, diretor geral da Fundação.

Presente em comunidades socialmente vulneráveis, como Complexo do Caju, na zona portuária do Rio, e na Vila Albertina, em São Paulo, a Fundação Gol de Letra completa 20 anos em 2018. A organização é reconhecida pela Unesco como modelo mundial no apoio ao desenvolvimento de crianças em situação de risco social. Em 2017, a instituição beneficiou quase 5 mil crianças, adolescentes, jovens e adultos nos programas de atendimento direto. Foram registrados ainda cerca de 8.700 participantes em atividades abertas voltadas para as comunidades onde atua.

Os interessados podem se inscrever pelo site.