Crise argentina retira 0,5 ponto do PIB brasileiro, mostra estudo do FGV IBRE

A razão disso é a queda de 40% nas exportações brasileiras para a Argentina nos oito primeiros meses de 2019 em relação a igual período do ano passado
Economia
18 Setembro 2019
Crise argentina retira 0,5 ponto do PIB brasileiro, mostra estudo do FGV IBRE

A crise argentina está tendo forte impacto no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. Segundo estudo das economistas Luana Miranda e Mayara Santiago, do Instituto Brasileiro de Economia (FGV IBRE), a crise no país vizinho deve retirar 0,5 ponto do PIB nacional este ano, que deve crescer por volta de 1,1%.

A razão disso é a queda de 40% nas exportações brasileiras para a Argentina nos oito primeiros meses de 2019 em relação a igual período do ano passado.

Se não fosse a crise argentina, o PIB brasileiro poderia crescer 1,6% até o fim de 2019. Por volta de 90% do que o Brasil vende à Argentina são produtos industriais, dos quais 57,4% são insumos (bens intermediários) usados pelas indústrias argentinas.

Leia mais no Blog do IBRE.